MAIS LIDAS AGORA:
Quinta, 12 Abril 2018 09:50

Ceará registra mais de 40 mil acidentes com motos em quatro anos; negligência de motociclistas influencia Destaque

Escrito por
Avalie este item
(1 Voto)

Os motociclistas são os principais protagonistas dos acidentes no trânsito brasileiro. A gravidade do estado de saúde dessas pessoas que, mais desprotegidos do que os motoristas de carros e caminhões, sofrem com as batidas, gera um custo elevado para os cofres públicos, principalmente devido ao longo tempo de recuperação, como informou em entrevista à edição desta quinta-feira, 12, do Jornal Alerta Geral (Rádio FM 103.4 – Expresso Grande Fortaleza + 25 emissoras no Interior), a doutora Riane Azevedo, superintendente do Instituto José Frota (IJF), que acrescentou que o Estado registrou mais de 40 mil acidentes com motos nos últimos quatro anos.

A frota de motos cada vez maior faz crescer, também, a quantidade de acidentes nos municípios do Interior do Estado e na Grande Fortaleza. A gravidade dos acidentes nas rodovias estaduais e federais e nas avenidas das médias e grandes cidades provoca a superlotação de hospitais, caso do IJF, unidade central de Fortaleza. Para a superintendente do Instituto José Frota, os motoristas são negligentes com a utilização do capacete e no momento em que ingerem bebidas alcoólicas para dirigir.

Uma prova disso, é que Riane conta que os acidentes com motociclistas ocorrem mais durante os finais de semana, dias em que a quantidade de veículos nas ruas diminui. De acordo com a superintendente do IJF, os motociclistas acidentados estão, principalmente, na faixa produtiva, entre os 20 e 40 anos.

Perguntada se a construção dos hospitais Regionais – no Cariri, Região Norte e Sertão Central – fez o número de atendimentos de pessoas vindas do Interior do Estado, Riane lembrou que, em média, 30% dos atendimentos no IJF são de pessoas que não são da capital cearense. Quanto a internações, a proporção, segundo ela, é de 50% da capital e 50% do interior, proporção que varia pouco de um ano para outro. A superintendente finaliza afirmando que os acidentes de motos são a segunda maior causa de atendimentos no hospital, perdendo apenas para as quedas.

Confira abaixo a entrevista na íntegra com a superintendente do Instituto José Frota, Riane Azevedo, à edição desta quinta do Jornal Alerta Geral:

RIANE AZEVEDO – SUPERINTENDENTE DO IJF

Confira os outros destaques do Bate Papo Político desta quinta-feira:

– Câmara aprova criação de Sistema Único de Segurança Pública

O Sistema Único de Segurança Pública (Susp) vai seguir para a análise do Senado, após a Câmara dos Deputados aprovar a proposta nessa quarta-feira, 11. A criação do Susp ganhou força após a Governo Federal decretar a intervenção na área da Segurança Pública no Rio de Janeiro e tem como principal objetivo estabelecer a integração de 15 categorias, como policiais federais, civis, militares e rodoviários federais, bombeiros, guardas municipais, agentes penitenciários e peritos.

Para o jornalista Beto Almeida, durante a votação de ontem, o que mais chamou atenção foi a obstrução de alguns parlamentares do PT, na Câmara. Os deputados, vale destacar, não eram contrários a aprovação do texto da Susp, mas entenderam que a prioridade de discussão da Casa deveria ser a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

– Tasso nega candidatura ao Governo do Estado

Após apelo do ex-governador Cid Gomes (PDT), o senador Tasso Jereissati (PSDB) voltou a negar a possibilidade de se candidatar ao Governo do Estado neste ano, como informou o correspondente Carlos Alberto. Tasso possui mandado de senador até 2022 e que a decisão está tomada em definitivo. Pré-candidato à Presidência da República, Alckmin está preocupado com os palanques eleitorais nos estados.

Confira mais informações:

CARLOS ALBERTO – TASSO NEGA CANDIDATURA AO GOVERNO DO ESTADO

– Caravana “Rumo 12”

O correspondente Carlos Alberto trouxe ainda outra informação: a Caravana “Rumo 12”, que percorre, a partir desta quinta-feira, 12, municípios da zona Norte do Ceará. Nesta quinta, o presidente estadual do PDT, André Figueiredo, o vice-presidente do partido, Cid Gomes, além de deputados, prefeitos, vereadores e militantes pedetistas percorrem os municípios de Varjota, Reriutaba, Guaraciaba do Norte e São Benedito, a partir das 16 horas. O objetivo da caravana é conhecer experiências e projetos vencedores que vem sendo implementados por gestores do PDT nos diversos municípios cearenses.

Confira mais informações:

CARLOS ALBERTO – CARAVANA “RUMO 12”

– Candidatura de Ciro

O jornalista Beto Almeida ainda aproveitou para falar sobre a candidatura de Ciro Gomes (PDT) à Presidência da República, já que a caravana deve reforçar o nome de Ciro como o candidato ideal para o País. Para Beto, a candidatura de Ciro vem em um bom momento, em função da prisão do ex-presidente Lula e dificilmente disputar o pleito deste ano. “Pior ainda para o PT é que não há ainda um nome que surja no horizonte para substituir o ex-presidente Lula na preferência do eleitorado”, disse Beto.

Lula parece não conseguir transferir os votos para outros possíveis candidatos do partido, já que, em cenários sem ele na disputa, outros nomes, como ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, e o ex-governador da Bahia, Jaques Wagner, têm conseguido pouca relevância nas pesquisas de intenção de votos.

Ciro, assim, aparece como um dos candidatos que o PT pode apoiar nessas eleições, caso não queira sofrer um vexame no pleito. Ciro, inclusive, aposta que a sigla deva o procurar para juntos formarem uma aliança. “O lulismo é muito maior que o petismo”, conclui Beto, ao se referir ao tema.

– Heitor cobra Camilo

O deputado estadual Heitor Férrer (SD) apresentou requerimento na Assembleia Legislativa, nessa quarta-feira, 11, solicitando informações sobre as viagens realizadas pelo governador Camilo Santana (PT) para as cidades de São Paulo, entre os dias 4 e 6 de abril, e Curitiba, no dia 10, com objetivo de tratar de assuntos partidários e prestar solidariedade ao ex-presidente Lula da Silva, mantido preso na capital paranaense. Para Heitor, a viagem do governador deveria ter sido paga pelo próprio Camilo, já que ele não viajou para tratar de assuntos do Estado, mas sim por questões partidárias.

– Nome dos parlamentares

Diversos petistas estão tentando adicionar “Lula” aos seus nomes parlamentares oficiais, em mais um protesto contra a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Os senadores Lindbergh Faria (PT-RJ) e Gleisi Hoffmann (PT-PR), por exemplo, encaminharam ofícios ao presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE), solicitando a mudança.

Na Câmara dos Deputados, pedidos também foram enviados a Rodrigo Maia (DEM-RJ) com o mesmo requerimento. Segundo o deputado Paulo Pimenta (PT-RS), toda a bancada do partido deve aderir ao protesto. Com isso, por exemplo, no painel do Congresso Nacional aparecerá o nome do parlamentar com o nome “Lula” incluso. O protesto gerou reações imediatas de outros deputados. Alguns já pediram, inclusive, para adicionar o nome “Moro”.

Gostou do Bate Papo Político desta quinta-feira? Então clica no player abaixo e ouça as análises na íntegra!

 

Lido 862 vezes Última modificação em Quinta, 12 Abril 2018 11:34