35 membros de facções criminosas são transferidos para presídios federais

Criminosos voltaram a atacar um viaduto, prédios públicos e veículos entre a noite de quinta-feira, 10, e a madrugada desta sexta-feira, 11, no Ceará. A onda de violência no estado chegou ao 10º dia seguido com 188 ataques confirmados em 43 dos 184 municípios cearenses. O Ministério da Justiça confirmou que, desde o início dos ataques, 35 membros de facções criminosas do estado foram transferidos para presídios federais – 15 das mudanças ocorreram nesta sexta.A

Os ataques começaram no dia 2 de janeiro, quando bandidos incendiaram ônibus, transportes escolares, veículos de prefeituras, prédios públicos e comércios na capital e no interior.

A Secretaria da Segurança Pública comunicou que 309 suspeitos de envolvimentos nos crimes já foram detidos. Os atentados começaram após o anúncio de medidas do governo para tornar mais rígida a fiscalização nos presídios cearenses.

Compartilhe: