Bairro Alto: passado, presente e a boemia que encantam

O tradicional Bairro Alto, em Lisboa, conta agora com um dos mais famosos hotéis butique de Portugal, o Bairro Alto Hotel, totalmente remodelado. O equipamento turístico ocupa a emblemática construção do Século XVIII, que já abrigou o histórico Grand Hotel de L’Europe. Inaugurado em 2005 pela família Tavares da Silva, já foi reconhecido como o melhor hotel butique de Portugal, pela renomada Condé Nast, e abrigou o primeiro rooftop de Lisboa. Fechado para remodelação em 2017, reabre suas portas no primeiro trimestre de 2019.
Localizado no coração da cosmopolita Lisboa, entre o bairro Chiado e o histórico Bairro Alto, o hotel é membro “The Leading Hotels of the World” e retorna ainda mais especial depois de passar pelas mãos do renomado arquiteto português Eduardo Souto de Moura, premiado com o Pritzker Prize. Em seu projeto, o arquiteto traz à tona as cores características da cidade, porém num degradé mais pastel e com suavidade.
Para a ampliação, foram incorporadas estruturas do século XVII e XVIII que ficam ao sul do hotel. O estabelecimento, que antes dispunha de 55 apartamentos, passa a ter 87 quartos com a possibilidade de unir até três deles para formar um super Family Room. Sem contar que cada habitação possui vistas excepcionais, seja para o rio Tejo, para o Chiado ou para o Bairro Alto.
Em seu novo prédio está o restaurante e bar BAHR, com menu assinado pelo Chef Nuno Mendes, que já foi dono de uma estrela Michelin. Ele também é responsável pelo bar do terraço panorâmico, que promete ser o novo point da cidade.  O edifício ainda conta com lobby, quatro salas de reunião e um moderno centro de wellness e fitness com sauna, ducha sensorial, sala de massagem para casais, além de disponibilizar serviço de personal training aos hóspedes.
Ainda em seu complexo também está o 18.68, um bar de coquetéis instalado no mais antigo quartel de bombeiros do país; o bar Mezzanine, com uma pegada intimista e uma deliciosa Pastelaria que traz os deliciosos pasteis portugueses – que não poderiam falta! – em suas vitrines. Todos os estabelecimentos são abertos ao público em geral. Para quem está de viagem marcada para as terras lusitanas,  o hotel é uma boa pedida para uma estadia vip.

Send this to a friend