A violência foi mesmo reduzida no Ceará?

A Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) e o Governo do Estado estão divulgando estatísticas que, segundo o economista e comentarista do Jornal Alerta Geral, Carlos Alberto Alencar, nos induzem a conclusões estapafúrdias, para quem tem “bom senso”.

Foi publicado, nessa terça-feira (12), que o Ceará reduziu o número de roubo de veículos em mais de 50% em janeiro. Diz ainda que a redução nos furtos também acompanham esse balanço positivo.

O economista ainda afirma que o secretário André Costa atribui esses números aos investimentos em tecnologia baseado na mobilidade do crime e questiona: “por que essa tecnologia não atuou também contra o crime organizado de forma preventiva?”

E vai além: “porque o Estado do Ceará precisou passar por esse sufoco? Todo mês a SSPDS divulga números afirmando que a criminalidade caiu no Ceará, que a violência não existe. É tudo impressão nossa?”

Não dá para usar estatística nenhuma contra tudo o que nós vimos. Confira o comentário do economista e comentarista do Jornal Alerta Geral, Carlos Alberto Alencar, na íntegra:

Leia a Anterior

Ceará: 3.113 pessoas são monitoradas por tornozeleira eletrônica

Leia a Próxima

Desinformações sobre reforma previdenciária: “parece que não há nada definido”