Centec inicia projeto de inclusão sociodigital em oito cidades do Ceará

Na última segunda-feira (11), o Instituto Centec promoveu a aula inaugural do Projeto de Inclusão Sociodigital (PISD), que acontece simultaneamente em oito cidades e em parceria com as Prefeituras Municipais em Beberibe, Brejo Santo, Fortim, Itaiçaba, Jucás, Limoeiro do Norte, Quixeré e Santa Quitéria. A iniciativa oferece qualificação profissional gratuita em diversas áreas para 276 participantes em 11 turmas.

O número de interessados em participar do projeto bateu recorde este ano: foram mais de 700 inscritos, gerando uma proporção de sete candidatos por vaga. Foram qualificados pelo projeto, em 2018, cerca de 343 pessoas que participaram de 280 horas de aulas teóricas sobre tecnologia da informação, marketing pessoal, relações interpessoais, arte e design, atendimento e comunicação, competências administrativas, línguas estrangeiras e libras; além das vivências em projetos sociais para estimular a consciência cidadã.

O presidente do Centec, Silas Alencar, fez a abertura do evento por meio de videoconferência com os Centros Vocacionais Tecnológico (CTV) e reforçou o sucesso do Programa nos anos anteriores. “O PISD já é uma referência nas cidades em que se encontra e é emocionante ver nos olhos dos alunos e da nossa equipe a empolgação com as ações do Programa. São três meses de muito aprendizado e trocas de conhecimento e temos a expectativa de expandir para novos municípios. Nada disso seria possível sem o apoio dos nossos parceiros”, agradeceu Silas.

Em cada CVT, a aula inaugural foi prestigiada por representantes das Prefeituras e Câmaras Municipais, além dos alunos, professores e instrutores do curso; e também estiveram presentes na videoconferência, em Fortaleza, o diretor de Extensão Tecnológica e Inovação, Hermínio Lima, a secretária executiva Vanessa Lima, a colaboradora Cristiane Oliveira e a pedagoga Fabíola Damasceno.

ASCOM/Centec

Leia a Anterior

Coema ouvirá sociedade sobre proposta que reformula concessão de licenciamento ambiental

Leia a Próxima

Bolsonaro defende negociações diferentes das do passado com relação a reforma