Primeiro empréstimo externo: Sobral e Caucaia aceleram para receber bolada de US$ 130 milhões

Os prefeitos de Sobral, Ivo Gomes (PDT), e de Caucaia, Naumi Amorim (PMB), terão, em 2018, o primeiro empréstimo internacional na história dos dois municípios. O dinheiro, oriundo do CAF (Corporação Andina de Fomento), que recebe, também, a denominação de Banco de Desenvolvimento da América Latina, está a caminho, chegará primeiro a Caucaia e, em seguida, a Sobral. Coube ao presidente do Congresso Nacional, Eunício Oliveira (MDB), por meio de mensagens aprovadas pelo Plenário do Senado, construir as pontes e avalizar os empréstimos para os dois municípios.

O prefeito de Caucaia, Naumi Amorim, abriu as negociações ainda no ano passado e, neste mês, com a visita dos técnicos do CAF, fecha os últimos detalhes para receber a primeira parcela do empréstimo de US$ 80 milhões – algo em torno de R$ 280 milhões. Os projetos elaborados pela Prefeitura contemplam várias comunidades da área urbana com obras de alargamento de vias, recuperação e urbanização de lagoas, construção de viadutos e serviços que melhorem a vida na cidade que, hoje, tem mais de 350.000 habitantes.

O dinheiro do CAF também está a caminho da maior cidade da Região Norte do Ceará. O prefeito de Sobral, Ivo Gomes, em uma articulação do presidente do Senado, Eunício Oliveira, assina, hoje, às 15:30  horas, em Brasíliana sede do   Banco de Desenvolvimento da América Latina, o contrato de financiamento internacional   no valor de 50 milhões de dólares, aproximadamente, R$ 190 milhões.

Segundo o prefeito Ivo Gomes, o dinheiro do CAF, direcionado ao Programa de Desenvolvimento Socioambiental de Sobral (Prodesol), irá beneficiar os moradores de áreas vulneráveis, contempladas com as obras de saneamento ambiental, requalificação de áreas urbanas e mobilidade urbana. O maior valor dos recursos será destinado a obras de saneamento básico.

CRÉDITO E REELEIÇÃO

A viabilização dos empréstimos internacionais gerou, nas cidades de Sobral e Caucaia, arrepios entre os opositores de Ivo Gomes e Naumi Amorim.  Com o dinheiro liberado pelo CAF, Ivo e Naumi terão, em 2019, as duas cidades transformadas em canteiros de obras que os proporcionarão mais visibilidade e popularidade    para, em 2020, concorrem à reeleição.

O correspondente do Jornal Alerta Geral (Rádio FM 104.3 – Expresso Grande Fortaleza + 26 emissoras no Interior), Carlos Alberto, tem mais informações sobre o assunto. Confira no player abaixo!

CARLOS ALBERTO – SOBRAL

Send this to a friend