65% dos micro e pequenos empresários não pretendem contratar crédito pelos próximos três meses

A maioria dos que não pretendem contratar o crédito diz não ver necessidade ou então alega ser possível manter a empresa com recursos próprios

Em cada dez micro e pequenos empresários que atuam no comércio e no ramo de serviços, seis não planejam contratar crédito para seus negócios em um prazo de três meses. O levantamento é do Indicador de Demanda por Crédito calculado pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas e pelo Serviço de Proteção ao Crédito.

O percentual de indecisos saltou de 17% para 24%, enquanto apenas 11% declararam a intenção de contratar crédito para seus negócios.

A maioria dos que não pretendem contratar o crédito diz não ver necessidade ou então alega ser possível manter a empresa com recursos próprios. Em seguida, aparecem os empresários que justificam a falta de adesão ao crédito devido às altas taxas de juros e o receio de não ter condições de pagar as prestações no futuro.

Além disso, mais de um terço dos empresários de menor porte, cerca de 33%, considera difícil contratar empréstimos e financiamentos. Os principais motivos são o excesso de burocracia e exigências dos bancos e as altas taxas de juros.

Leia a Anterior

Ceará registra quase 600 casos de acidentes com cobras nos seis primeiros meses de 2019

Leia a Próxima

Defesa do BNB e da transposição do São Francisco marcam 1º semestre da Assembleia