Álcool nos estádios: ‘Nós não temos uma cultura de paz’, afirma Beto Almeida

No ano em que Fortaleza e Ceará se enfrentarão pela primeira vez na série A em 26 anos, a rivalidade se estende para além dos gramados. Desta vez, o debate chegou nas pautas da Assembleia Legislativa através da discussão sobre a liberação da venda de bebida alcoólica nos estádios cearenses.

O senador Eduardo Girão, ex-presidente do Fortaleza, questiona o projeto de lei do deputado Evandro Leitão, ex-presidente do Ceará, que libera a comercialização e uso de bebidas alcoólicas nos estádios no estado. Eduardo Girão (PODE), subiu à tribuna do Senado para atacar a proposta apresentada e defendida pelo deputado Evandro Leitão (PDT).

Beto Almeida fica do lado de Eduardo Girão e afirma que deve permanecer proibido a venda de álcool, porque, segundo ele, nós ainda não temos uma cultura de paz.

“Nós não temos ainda, infelizmente, torcedores com consciência para ir para o estádio, tomar a sua bebidinha e ir pra a casa em paz”, afirma Beto.

Leia a Anterior

Bate Papo: aprovação da PEC que veda o governo é recado claro a Bolsonaro

Leia a Próxima

Juliana Paiva faz primeira aparição após término de namoro com Nicolas Prattes