Aprece calcula R$ 3,1 bi para 56 cidades do Ceará de diferença do Fundef

56 cidades do Ceará, que entraram na Justiça contra a União para receber as diferenças de recursos aplicados na área da educação, ganharam ações que as garantem, pelo menos, R$ 3,1 bilhões. O dinheiro corresponde às verbas do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério (Fundef) que o Governo Federal deixou de transferir para as Prefeituras nos anos 90.

Os Municípios entraram na Justiça e, segundo o consultor econômico da Aprece, advogado José Irineu, as ações com trânsito em julgado já asseguram R$ 3,1 bilhões para as 56 Prefeituras que acreditaram na recuperação do dinheiro junto à União.

Irineu, em entrevista, nesta segunda-feira, 27, ao Jornal Alerta Geral (FM 104.3 – Grande Fortaleza + 26 emissoras no Interior), disse que o dinheiro já chegou aos Municípios que tiveram êxito nas ações movidas na Justiça Federal.

Confira no player abaixo a entrevista completa com o consultor econômico da Aprece, José Irineu:

JOSÉ IRINEU – CONSULTOR FINANCEIRO DA APRECE

Leia a Anterior

Preço médio da gasolina sobe no CE após 5 semanas de queda, diz ANP

Leia a Próxima

Estudantes vencedores de medalhas olímpicas são homenageados na AL