Câmara municipal de Nova Olinda cassa mandato do prefeito

A Câmara municipal de Nova Olinda realizou nesta quarta-feira (29), uma sessão ordinária que cassou o mandato do prefeito municipal Afonso Sampaio (PSD). A decisão teve como base o relatório final da Comissão Processante, que analisou as denúncias de desvios de funções, burla ao concurso público, majoração indevida de salário e nepotismo.

O prefeito teve o seu mandato cassado no exército de 2019 a 2020 sem chance de recurso. O relatório final indicando a condenação do prefeito por atos de infrações políticas foi aprovado por 9 dos 11 vereadores, ultrapassando o limite de dois terços exigidos para determinar a perda do cargo.

Em fevereiro, Afonso havia sido afastado do posto por suspeita de irregularidade na compra de combustível para abastecer a frota da prefeitura entre 2017 e 2018.

Além de ser afastado das funções de prefeito, o ex prefeito fica impedido de disputar eleições para qualquer cargo público pelos próximos 8 anos. A partir de ágora o município de Nova Olinda será governado pelo vice-prefeito Ítalo Brito (PP), que assume o comando da prefeitura até o fim do mandato, em dezembro de 2020.

A posse do vice prefeito será amanhã (30), às 9 horas.

 

Leia a Anterior

Municípios do Ceará terão atos pela educação e contra mudanças na aposentadoria nesta quinta-feira

Leia a Próxima

Agentes penitenciários do Ceará vão atuar em força-tarefa nos presídios do Amazonas