Com mais de 57 mil e clima de despedida, Ceará fica no 0 a 0 contra o Vasco

Com mais de 57 mil torcedores embalando o Ceará na última rodada do Brasileirão, a partida que teve inicia às 16 horas, na Arena Castelão, terminou empatada entre Ceará e Vasco. Com o placar e a combinação de outros resultados na rodada, o Vozão perde a chance de conseguir uma vaga na Copa Sul-Americana (bastava uma vitória simples). Com o empate, o Vasco garantiu permanência na séria A de 2019.

O Ceará já havia confirmado permanência na rodada passada, mas o Vasco ainda corria risco de rebaixamento, o que gerou um jogo mais truncado no final do segundo tempo, com o alvinegro cearense atacando e o Vasco se defendendo. Com o término da rodada, o time cearense termina o Campeonato Brasileiro em 15º lugar, com 44 pontos e fora da Sul-Americana.

O Vozão, que somou 50% de aproveitamento após a volta da Copa, contou com dois desfalques na equipe titular. O atacante Leandro Carvalho, que não jogou por suspensão, e o zagueiro Tiago Alves, que sentiu um desconforto durante a semana. Com isso, o atacante Felipe Azevedo e o zagueiro Valdo ganharam oportunidade.

Lisca mexeu na equipe no intervalo da partida. Calyson deixou o gramado para entrada de Eder Luis, dando mais ritmo ao ataque do Ceará com jogadas pela direita. Na segunda etapa,  Ricardinho e Felipe Azevedo saíram para entrada de Cardona e Wescley. O Vozão ainda teve o lateral Samuel Xavier expulso por tomar o segundo cartão amarelo.

Despedida

O artilheiro do time na temporada, Arthur, se despediu do Castelão e dos mais de 57 mil torcedores que acompanhou vibrante o duelo. Arthur foi vendido ao Palmeiras, time que levantou a taça do Brasileirão 2018, e defenderá o novo campeão brasileiro a partir do ano que vem. Além dele, outros jogadores devem deixar o alvinegro, como o atacante Leandro Carvalho, jogador do Botafogo, que não jogou a partida de hoje por conta do terceiro cartão.

Lisca fica?

Um dos grandes responsáveis pela permanência do Ceará na elite do futebol Brasileiro no ano que vem é, sem dúvidas, o técnico Lisca. Apelidado carinhosamente como ‘Lisca doido’, foi ovacionado pela torcida alvinegra antes do jogo, com direito à bandeirão estampando o rosto do treinador, além da tradicional música cantada pela torcida.

É quase certa sua permanência em Porangabussu na temporada que vem. Lisca se reúne nesta segunda-feira, 3, com a diretoria do Ceará para acertar os detalhes.

Leia a Anterior

Bancada pedetista chega com força para eleição da Câmara Municipal de Fortaleza

Leia a Próxima

Bolsonaro define nome para Meio Ambiente esta semana