Contrariando decisão do STF, Tasso e Girão exibiram seus votos

Apesar da decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de que a votação para escolha da Mesa Diretora do Senado Federal, neste sábado (2), deveria ser secreta, os senadores cearenses Luis Eduardo Girão (PROS) e Tasso Jereissati (PSDB) ‘mostraram’ seu voto no senador Davi Alcolumbre (DEM-AP) – que acabou eleito.

Dos senadores cearenses, apenas Cid Gomes (PDT) não divulgou o voto.

Girão foi um dos senadores presentes a pedir o microfone para anunciar que votaria em Davi Alcolumbre. Tasso Jereissati também quebrou o sigilo e mostrou o voto no candidato do Democratas, defendo a escolha baseado na renovação do comando do Congresso.

Eleição

+ Após proposta de Cid Gomes, eleição para presidente do Senado acontece hoje

+ Toffoli determina votação secreta na eleição do Senado

+ Em eleição pulverizada, votação em cédula decide o novo presidente da Casa

+ Senadores decidem fazer nova votação para presidente

+ “Se eles podem tudo, sou eu que vou ser contra a Constituição?”, diz Renan ao desistir da presidência

Leia a Anterior

Em jogo fraco e sem agradar, Fortaleza sofre sua primeiro derrota no ano

Leia a Próxima

UFC® FIGHT NIGHT: Assunção x Moraes 2