“Deputado Nezinho, eu sinto muito, sinto muito que seu nome tenha sido exposto”, declara André Fernandes

Durante pronunciamento à imprensa nesta segunda-feira, André negou pedido desculpas a Nezinho, disse que não citou nomes e alegou ser vítima de perseguição

André Fernandes fala no comitê de imprensa (Foto: Redação)

Em pronunciamento aos jornalistas, nesta manhã (24), no comitê de imprensa da Assembleia Legislativa, o deputado André Fernandes (PSL) afirmou que seguiu o conselho de ética e regimento interno da casa, e entregou o documento contendo as acusações ao Ministério Público de maneira sigilosa.

Sobre as denúncias contra o parlamentar Nezinho Farias (PDT), o deputado André afirmou: “Não acusei, não denunciei, não expus o nome e não estou aqui pra caçar briga. Deputado Nezinho eu sinto muito, sinto muito que seu nome tenha sido exposto. Se isso repercutiu negativamente eu lamento muito.

O deputado anunciou ainda que seguirá se pronunciando contra tudo aquilo que envolve improbidade e corrupção, e que agora aguardará as investigações do Ministério Público. Ele também convidou qualquer cidadão cearense que tenha uma denúncia contra algum parlamentar, para lhe encaminhar, pois ele levará a Justiça

Embora tenha lamentado, André afirmou que não pedirá desculpas: “Eu não posso pedir desculpas por algo que não fiz. Eu não vou pedir desculpas”. A afirmação se fundamenta no fato de que ele entregou o documento com as denúncias de maneira sigilosa ao MP-CE, e, portanto, o vazamento do conteúdo não seria de sua responsabilidade.

Confira os vídeos das declarações de André Fernandes:

 

 

Leia a Anterior

Apesar do alto índice de desemprego, Russas registra 2000 microempreendedores

Leia a Próxima

André Fernandes nega pedido de desculpas a Nezinho, diz que não citou nomes e alega que é vítima de perseguição