“Desumano”, diz Henrique César sobre negativa de tratamento a senhora de 93 anos

O médico e professor universitário Henrique César relata o drama de familiares de uma senhora de 93 anos de idade que teve negado o atendimento na rede de saúde.

Estarrecedor, desumano, exemplo da falta de caridade e falta de amor ao próximo. É, assim, que reage, em seu comentário nesta terça-feira (8), no Jornal Alerta Geral (Expresso Fm 104.3 na Grande Fortaleza + 26 emissoras no Interior + Redes Sociais), o médico e professor universitário Henrique César, ao relatar o drama de familiares de uma senhora de 93 anos de idade que teve negado atendimento no Instituto do Câncer, em Fortaleza, por não apresentar, no próprio nome, um comprovante de residência.

Henrique disse que, em tanto tempo de atividade profissional, nunca tinha visto tamanho absurdo, nem se deparado com cena tão triste, principalmente, partindo de uma instituição que recebe recursos públicos.

Com esse mau exemplo, o sistema de saúde, segundo Henrique, exige mudanças urgentes. Henrique lamenta, ainda, que, ao mesmo tempo que constrói uma obra faraônica, a instituição nega um tratamento tão urgente e necessário.

Confira mais informações com o médico e professor universitário Henrique César na íntegra:

Leia a Anterior

Orçamento da União: bancada pode ceder até R$ 70 milhões para Camilo

Leia a Próxima

Homem é preso por suspeita de comandar incêndio a caminhão em Tauá