Ouvintes e internautas do “Alerta Geral” tiram dúvidas sobre impacto da reforma previdenciária

A rede de comunicação responsável pelo ‘’Jornal Alerta Geral sobre os Caminhos da Aposentadoria’’ recebe mensagens dos ouvintes e internautas de todo o Brasil pelo WhatsApp (85) 9.8940.2385 e pela #caminhosdaposentadoria e #cearaagora.

A maior rede de comunicação para tirar dúvidas sobre a área previdenciária, formada pela Rádio FM 104.3 – Grande Fortaleza + 31 emissoras no Interior do Estado + redes sociais do Ceará Agora: Instagram, Facebook, Twitter e Youtubbe (@cearaagora), apresenta  a partir das 7 horas, respostas a mais de 80 ouvintes e internautas que apresentam preocupações sobre as novas regras para aposentadorias e pensões.

A rede de comunicação responsável pelo ’Jornal Alerta Geral sobre os Caminhos da Aposentadoria’’ recebe mensagens dos ouvintes e internautas de todo o Brasil pelo WHATSAPP  (85) 9.8940.2385 e pela #caminhosdaposentadoria e #cearaagora. O especialista em direito previdenciário, advogado Raphael Castelo Branco, responde, ao lado do jornalista Luzenor de Oliveira, as mensagens dos ouvintes e internautas.

‘’São dezenas de perguntas que chegam à nossa produção e deixam, em todo o Brasil, o Jornal Alerta Geral como a maior fonte de esclarecimentos sobre as regras previdenciárias. O compromisso é único: a informação verdadeira, seja a resposta boa ou ruim para quem nos procura à espera de superar a angústia diante da incerteza do amanhã na área da assistência e da previdência social’’, expõe Luzenor de Oliveira, ao chamar atenção para as mensagens encaminhadas ao Alerta Geral não apenas pelos segurados do INSS, mas por muitos jovens que demonstram preocupação com os novos caminhos da aposentadoria.

Uma das dúvidas encaminhadas foi da ouvinte Elda Pinheiro de Aracoiaba, no Ceará. Ela, agricultora com 56 anos de idade, pergunta com quantos anos poderá se aposentar. O advogado Raphael Castelo Branco responde que Elda já possui a idade mínima para se aposentar, mas precisa comprovar os 180 meses de trabalho no campo, pois deste modo, conseguirá receber o benefício.

Acompanhe na íntegra o Programa Alerta Geral Caminhos da Aposentadoria

Leia a Anterior

Com risco de novo surto, Brasil alcança só 64% da meta de vacinação contra febre amarela

Leia a Próxima

Governador autoriza reforma do Romeirão e inaugura Areninha de Barbalha nesta sexta-feira (6)