Em uma década, Brasil perde um terço das escolas com aula do ensino fundamental para adultos

Na última década, o Brasil viu o número de escolas de educação básica aumentar 12%, de 255.445 para 286.014. No mesmo período, porém, o número dessas escolas que oferecem o ensino de jovens e adultos do ensino fundamental recuou 34%. No Ceará, a redução chegou a mais da metade do total de escolas em 2009.

Em 2009 no Brasil, 37.334 escolas tinham turmas do ensino de jovens e adultos fundamental. Já no ano passado, essa oferta só existia em 24.658 escolas, segundo os dados do Censo que o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira divulgou no mês passado.

Especialistas explicam que a queda na oferta não está apenas relacionada ao aumento da escolarização dos adultos, que provocaria menor demanda. Apesar dos avanços, eles estimam que o número de brasileiros sem diploma varia entre 30 e 40 milhões. O país tem hoje 3,5 milhões de alunos matriculados no ensino de jovens e adultos, sendo que 59% deles estão no nível fundamental.

Leia a Anterior

Bolsonaro visitará países árabes a partir de julho

Leia a Próxima

Terceira parcela do IPVA 2019 vence nesta segunda, 08