Endividamento recua e atinge 60,1% dos fortalezenses em setembro

O número de fortalezenses endividados caiu 7,2% em setembro ante agosto, quando o índice apontava que 67,3% dos consumidores possuíam algum tipo de dívida. Em setembro, 60,1% dos moradores de Fortaleza estão endividados. Os dados são referentes à Pesquisa do Endividamento do Consumidor de Fortaleza, divulgada pela Federação do Comércio de Bens Serviços e Turismo do Ceará.

O nível de inadimplência permaneceu estável em setembro, afetando 8,5% dos moradores da Capital. Os consumidores inadimplentes são aqueles compradores que não terão condições financeiras para honrar seus compromissos. Os compradores que possuem dívidas em atraso reduziu cerca de 3,1 pontos percentuais, passando de 23,3% dos consumidores em agosto, para 20,2% em setembro. Cerca de 40,6% dos fortalezenses tem sua renda comprometida em setembro.

O valor médio das dívidas está estimado em R$ 1.508. Entre as despesas que mais pesaram no bolso dos fortalezenses, estão os gastos com alimentação, aluguel residencial, educação, outros, vestuário e tratamento de saúde.

Leia a Anterior

Número de turistas estrangeiros no Ceará cresce mais de 74% este ano

Leia a Próxima

Etapa Regional dos Jogos Escolares da Juventude confirma mais três equipes cearenses em Blumenau 2019