Golpe em curso de graduação causa prejuízo de R$ 59 mil a alunos no interior do Ceará

Estudantes de um curso de graduação do Centro de Educação Profissional e Superior (CEP), com sede no município Cariús, na região centro-sul do Ceará, tiveram um prejuízo de R$ 59 mil, segundo denúncia do Ministério Público do estado (MPCE). De acordo com a investigação, o cento de educação anunciou a oferta de um curso de graduação em administração de empresas, na cidade de Farias Brito, sem autorização do Ministério da Educação (MEC).

Cerca de 16 estudantes foram vítimas da fraude e prestaram o vestibular em janeiro de 2017. As aulas foram paralisadas em novembro de 2018 após o início das investigações do Ministério Público do Estado. A denúncia aconteceu por meio da Promotoria de Justiça de Farias Brito.

Esta é a terceira acusação do gênero no município de Farias Brito. Os casos anteriores ocorreram em outras instituições de ensino.

Leia a Anterior

Prefeito entrega Praça PEC e Feira do Povo nesta quinta (10)

Leia a Próxima

Congresso aprova projeto que remaneja R$ 3 bilhões do Orçamento