Revalida: novo exame para médico formado no exterior terá provas no computador

Os médicos cearenses formados fora do Brasil precisam ficar atentos as novas regras do Revalida. O exame de reconhecimento de diploma será realizado duas vezes no próximo ano e terá uma das etapas aplicada utilizando computador.

As novas regras do Revalida foram aprovadas pela Câmara dos Deputados e abriu a aplicação do teste às universidades privadas. Até então, apenas instituições de ensino públicas podiam fazer o exame.

As provas serão realizadas em duas etapas: uma teórica e uma prática. A primeira será aplicada de forma digital, em locais específicos. Já a segunda vai contar com a demonstração de conhecimentos práticos pelos candidatos. A primeira custará R$ 330 e a segunda, R$ 3.300, a serem custeados pelos próprios concorrentes.

Leia a Anterior

Servidora aposentada é encontrada morta no município de Eusébio

Leia a Próxima

Reconhecimento: advogada Margareth Baratta recebe título de cidadania do Eusébio