Operação Babilônia: 350 agentes cumprem mandados de prisão na comunidade

Cerca de 350 agentes da segurança pública participam de uma ação policial que cumpre mandados de prisão e de busca e apreensão coletiva nesta quarta-feira (9), na comunidade Babilônia, no Bairro Barroso, em Fortaleza. Pelo menos seis pessoas foram presas. Os policiais entraram em imóveis do local com a autorização judicial.

De acordo com a delegada Adriana Arruda, coordenadora da operação, algumas das prisões foram realizadas em razão do cumprimento de mandados e outras foram flagrantes de pessoas com armas e drogas. A delegada informou que a ação é um desdobramento da Operação Contra-ataque, realizada contra a facção criminosa responsável pelos ataques incendiários no Ceará em setembro.

Ao todo, a operação reuniu cerca de 270 policiais civis, compondo 80 grupos, seis equipes do Batalhão de Choque, quatro equipes do Policiamento Ostensivo Geral (POG) e duas equipes da Força Tática, além do Corpo de Bombeiros.

O secretário da Segurança Pública do Ceará, André Costa, esteve no local e reafirmou a importância do trabalho contínuo da polícia durante a operação. “O caminho é esse. A presença fixa da policia em algumas regiões, em alguns territórios e também todo um trabalho de proteção social, urbanização. Esse é o modelo que a gente propõe para todo o Estado. E isso será um caso de transformação de vidas aqui dessa região”, conta.

Leia a Anterior

Desenvolvimento do Estado: Cinturão das Águas do Ceará recebe mais de R$ 16 milhões para obras

Leia a Próxima

De olho no tempo: Ceará segue sem previsão de chuva entre quarta e quinta-feira