Procon notifica a Gol e pede explicações sobre promoção de voos por R$ 3,90

Site da companhia apresentou instabilidade no horário da venda dos bilhetes e muitas pessoas reclamaram que não conseguiram comprar

Foto: reprodução

A Fundação do Programa de Proteção e Defesa do Consumidor do Estado de São Paulo (Procon-SP) notificou e pediu explicações, nessa quarta-feira (19), à Gol Linhas Aéreas S/A para que esclareça a comercialização de passagens aéreas internacionais por R$ 3,90, na noite dessa terça-feira (18).
A companhia havia anunciado que a promoção duraria duas horas. Começaria às 21h30 e duraria pelo período do jogo do Brasil contra a Venezuela pela Copa América. Mas, por volta das 21h, o site da companhia apresentava instabilidade e muitos internautas apontavam que estava fora do ar.
Mesmo assim, às 21h59, a empresa ignorou as reclamações e comemorou no Twitter que todas as 100 passagens em promoções foram vendidas. “A promoção foi um verdadeiro GOL de placa, hein @brahmacerveja?! Mas ainda tem muita bola pra rolar, e quem sabe não vem aquele grito de GOL pra nossa Seleção, né?!”, escreveu.
Agora, o Procon quer saber onde foram disponibilizados e quais os termos e condições da promoção; quantas passagens aéreas foram comercializadas; quais canais de venda foram disponibilizados para acesso dos consumidores; e em quanto tempo foram comercializadas estas passagens.
Além disso, a Gol também terá que enviar a relação de consumidores que conseguiram adquirir passagens durante a vigência da promoção com indicação de destino, e-mail e telefone de contato. “A notificação feita pela fundação visa resguardar os direitos dos consumidores”, diz o Procon. A empresa terá 24 horas para apresentar resposta.
Em nota, a empresa afirmou que a “GOL a preço de Brahma” teve um alcance recorde e as 140 passagens a preço especial foram vendidas em poucos minutos. “Tivemos inúmeros acessos simultâneos, o que fez com que nosso site sofresse instabilidade”, alegou.
(*)com informação do Correio Braziliense
Leia a Anterior

Câmara Municipal aprova 157 emendas ao Código da Cidade

Leia a Próxima

BC sinaliza que vai abaixar os juros básicos da economia no mês que vem