Tragédia em Fortaleza: forças de segurança trabalham em buscas e seis mortes já foram confirmadas

Quatro pessoas ainda estão desaparecidas e 7 foram retiradas com vida.

Sobe para seis o número de mortos no desabamento do Edifício Andréa, no Bairro Dionísio Torres, em Fortaleza. Equipes do Corpo de Bombeiros conseguiram, na noite dessa quinta-feira (17), retirar o corpo de Rosane Marques de Menezes, de 56 anos, dos escombros. Quatro pessoas ainda estão desaparecidas e 7 foram retiradas com vida.

Desde o início dos trabalhos em busca das vítimas do desabamento do Edifício Andrea, ocorrido na última terça-feira (15), em Fortaleza, o Sistema de Segurança cearense trabalha nas buscas por sobreviventes. O governador do Ceará, Camilo Santana, determinou empenho máximo das tropas no resgate de pessoas que estão sob os escombros, no bairro Dionísio Torres.

O comandante geral do Corpo de Bombeiros, Coronel Holanda, que tem liderado a corporação nos trabalhos, ininterruptos, explica que são utilizados em torno de 135 bombeiros militares, diariamente. Para o coronel a esperança para encontrar sobreviventes ainda é alta.

Leia a Anterior

Sarto entrega matadoro público em Várzea Alegre

Leia a Próxima

Rodovia que liga Guaraciaba a Croatá ainda espera por reparos