Tribunal Regional Eleitoral mantém nulidade de diploma de prefeito e vice de Tianguá, interior do Ceará

O Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE) manteve, nesta segunda-feira (09), por unanimidade, a anulação dos diplomas do prefeito e do vice de Tianguá. Conforme o órgão, a decisão será publicada ainda nesta semana no Diário de Justiça do Estado. Após a publicação, o presidente da Câmara de Vereadores do Município assumirá a prefeitura até a realização eleições suplementares.

O Pleno do Tribunal rejeitou os embargos de declaração apresentados pela defesa que tentavam reverter a decisão de anulação dos mandatos do prefeito e do vice de Tianguá, proferida no dia 20 de agosto pela Corte.

Agora, conforme informou o TRE-CE, será realizada uma consulta ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para convocação de novas eleições para a Prefeitura de Tianguá. Depois disso, o órgão irá analisar o calendário eleitoral estabelecido pelo TSE e aprovar uma data.

Somente após essa análise, o TRE-CE irá marcar uma data para eleições suplementares. Enquanto isso, o presidente da Câmara de Vereadores de Tianguá exercerá a função de prefeito da cidade.

Leia a Anterior

Governo do Ceará: Sarto assume a gestão enquanto Camilo prospecta negócios na Europa e na Ásia

Leia a Próxima

MPCE apura denúncias de excessos policias no tratamento a pessoas em situações de rua na capital cearense